Dezembro 1, 2020

‘Células do tempo’ organizam cronologicamente nossas memórias

“É como um filme passando dentro da minha cabeça.” Normalmente, isso é o que dizemos quando pensamos em uma experiência ou onde deixamos o celular – lembrando o que fizemos como que rebobinando nossas memórias. Um grupo de cientistas da Universidade do Texas descobriu que nem todo mundo consegue fazer isso sem embolar o filme: elas não têm o que eles chamaram de “células do tempo.”

As chamadas memórias episódicas são aquelas que guardamos como que impressas numa película de cinema – e como tal, elas têm um marcador que indica qual a sua ordem cronológica, inseridas pelas células do tempo nas recordações à medida que elas vão se formando e sendo armazenadas.

Leia mais…

Cresta Help Chat
Send via WhatsApp
01511987618725