Abril 19, 2021

Rodrigo Maia e Alexandre Kalil usam casa da ministra do STF Cármen Lúcia para firmar acordo de apoio para candidato à presidência do Senado

O PSD de Kassab anunciou apoio à eleição de Rodrigo Pacheco (DEM), na disputa pela presidência do Senado, na noite desta terça-feira (5). Com 11 integrantes, o partido tem a segunda maior bancada da Casa. Pacheco é o candidato apoiado pelo atual presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM).

Em nota oficial, o PSD confirmou a escolha do apoio a Pacheco por unanimidade e, segundo o partido, o senador “reúne todas as condições para presidir, contribuir e garantir” as tradições que comandam o Senado.

Segundo o jornal O Globo, o presidente da Câmara Rodrigo Maia (DEM-RJ), que apoia Pacheco, e, o prefeito de Belo Holizonte Alexandre Kalil (PSD), se reuniram, na casa da ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Cármen Lúcia, que fica em BH, para conversar sobre a Presidência do Senado.

Maia e Kalil almoçaram na casa da ministra do STF em 29 de dezembro, segundo o jornal. O presidente da Câmara passou cinco horas na capital mineira.

Pelo apoio do PSD a Rodrigo Pacheco (DEM) no comando do Senado, os dois conversaram sobre o DEM apoiar o PSD ao governo de Minas em 2022. Kalil deve se lançar como candidato ao governo de Minas Gerais nas eleições de 2022.

The post Rodrigo Maia e Alexandre Kalil usam casa da ministra do STF Cármen Lúcia para firmar acordo de apoio para candidato à presidência do Senado appeared first on Terra Brasil Notícias.

You may have missed

Cresta Help Chat
Send via WhatsApp
11993455895